sábado, 16 de agosto de 2008

Eu não quero tirar Dez


O Joãozinho, garoto bom na escola
Nunca vi pegando cola
Estuda o dia inteiro.

Já a Maria, menina inteligente
Que conhece muita gente
É um pouco mais feliz.

Não julgo o João, nem julgo a Maria
Mas só temo que um dia
João não vá gostar

De tirar sempre a mesma nota
E vai abrir a porta
E querer se libertar.

Pois essa batalha não significa nada
Quando vem a madrugada
E o lixeiro já acordou.

A honra ao mérito não depende
De diploma. O que importa
É a soma do esforço
Que o moço acumulou.

E se minha mãe me chama
De pentelho porque meu
Boletim está vermelho
E eu não tiro dez.

Não quero ser igual
Ao Joãozinho que
Só vive sozinho.
Tenho meus próprios pés.


Fábio Coelho (14.08.08)

2 comentários:

Lívia Araújo disse...

Se é assim .. também não quero tirar dez!

gaioladoseus disse...

Nooooossss...Eu nunca tirei um dez mano!
=\

meu sonho era tirar um dez e mostrar pra minha mãe! yieaheahgyaegaa

pena q ela sempre via os zeros q eu escondia na gaveta!
xD

mto bom!